• Facebook T1 Notícias
  • Twitter T1 Notícias
  • Google Plus T1 Notícias
  • RSS
Estado
06/08/2013 17h32min
Concurso da PM
MPE pede suspensão do exame de aptidão física do concurso da Polícia Militar
Segundo promotor, consta que candidatos que prestaram o concurso e ficaram para segunda chamada foram avaliadores nessa etapa do certame
Autor: Denise Soares - Ascom

O Ministério Público Estadual (MPE), por meio da 28ª Promotoria de Justiça de Palmas, ajuizou nesta terça-feira, 06, Ação Civil Pública (ACP) com pedido liminar para que a Justiça obrigue o Estado do Tocantins a suspender a segunda etapa do Concurso da Polícia Militar, referente ao exame de aptidão física.

De acordo com o Promotor de Justiça Adriano Neves, consta que candidatos que prestaram o concurso e ficaram para segunda chamada foram avaliadores nessa etapa do certame. Além disso, as avaliações dos candidatos estariam sendo feitas por pessoas não capacitadas, ou seja, alunos de educação física, quando deveriam ser realizadas por profissionais com habilitação plena nessa área, devidamente registrados no Conselho Regional de Educação Física (CREF), tal como especificava o edital do concurso. Ressalta-se que os estagiários examinadores detinham poder de veto, julgando se o candidato estava apto ou inapto para o exercício da função pretendida.

Após ser noticiado desses fatos, por meio de denúncia, o MPE requisitou ao Comando Geral da Polícia Militar a relação dos profissionais e auxiliares que participaram da realização do exame de capacidade física dos candidatos, com seus respectivos números de registro no CREF. Ao fazer o cruzamento das informações da equipe responsável com a lista de candidatos da prova objetiva, verificou-se que candidatos aprovados na prova objetiva atuaram como auxiliares no exame de capacidade física dos demais candidatos.

A ACP ressalta que houve ofensa aos princípios administrativos da legalidade, moralidade e impessoalidade. Diante disso, além de requerer liminarmente a suspensão da convocação de candidatos do teste de aptidão física, solicita a nulidade da segunda etapa do concurso e que a Consultoria e Planejamento de Administração Pública Ltda (Consulplan), empresa contratada, seja obrigada a convocar os aprovados na prova objetiva para realização de novo Exame de Capacidade Física.

 

Tags: MPE TO, Tocantins, concurso público, concurso pm, suspensão de concurso

2

 
Preencha seu comentário abaixo!
( Faltam caracteres )
 

Escolha uma das opções abaixo para comentar:
  Exibir todos comentários (2)
   
FREDERICO FERREIRA FUNK - 07/08/2013 08:51:15
ÊÊÊ MEU TOCANTINS, DE NOVO ESTAMOS ENVOLVIDOS EM CONCURSOS COM IRREGULARIDADES, SERÁ QUE A CONSUPLAN ACHOU QUE NO TOCANTINS SÓ TEM TOLOS, E O PRESIDENTE DA COMISSÃO DO CONCURSO, QUAL A EXPLICAÇÃO QUE DARÁ, SE FOR VERDADE AS GRAVES ACUSAÇÕES DO MP, E A PM COMO FICA COM ESTA VERGONHA DE REALIZAR UM CONCURSO COM ESTAS IRREGULARIDADES?.
 
   
Vinícius Laguna da Fontoura - 06/08/2013 20:07:19
Se investigarem um pouco mais vão achar mais irregularidades. Fiquei impressionado com a correção das redações, pois o índice de reprovação foi quase 0. Gostaria de saber qual o critério das notas atribuídas.
 
 
 
Clique Aqui para Ver Todas Notícias em "Estado"
Cadastro
 
 
Classificados
Macbook Semi novo
VAGAS SINE PORTO NACIONAL - 28 - outubro- 2014
2 salas comerciais, de frente pra LO19. A combinar
 
 
 
As mais lidas
   
 
    Opinião
24/10
10h43
  Servidores perdem o sono com ameaça de não receber dezembro e 13º: Aoô Sandoval!
12444 acessos
 
 
    Nas Arnos
26/10
17h55
  Ex-marido de Luana Coimbra tenta matá-la e comete suicídio em segundo disparo
8251 acessos
 
 
    Estado
29/10
18h37
  Governo exonera comissionados e revoga designações para funções de confiança
6020 acessos
 
 
    Por desabastecimento
24/10
14h57
  MPE, MPF e DPE pedem prisão de secretário de Saúde do Tocantins, Luiz Antônio
4961 acessos
 
 
    Bastidores do novo secretariado
27/10
20h39
  Cidep tenta indicar Fabiano na pasta da Indústria de Miranda e gera divergências
4643 acessos
 
 
    Polêmica na AL
24/10
10h01
  Após pressão, Sandoval retira projetos de segurança e subsídio para ex-gestores
4103 acessos
 
 
    Novo governo
27/10
10h43
  Pós segundo turno, Miranda diz que espera gesto de Sandoval para transição
3824 acessos
 
 
27/10
08h30
  A vitória da mentira
3397 acessos
 
 
    Denúncia
28/10
11h07
  Presidente da Câmara de Combinado bate carro oficial da Saúde em Goiás
3352 acessos
 
 
    Pesar
24/10
09h58
  Com doença rara, irmão do vereador Cleiton Cardoso morre no HGP
3155 acessos
 
 
     
Rodapé
 
T1 Notícia ENDEREÇO:
Ed. Nakashima, 108
Norte, Av. Lo 04, N. 12,
Sala 103, Palmas-TO

FONE: (063) 3224-8117
Compartilhar Facebook Twitter Google Plus Rss
 
powered by Web4business